titulo-portugues-final.png

 
  • Imagem protegida – Proibida a reprodução
  • Imagem protegida – Proibida a reprodução
  • Imagem protegida – Proibida a reprodução
  • Imagem protegida – Proibida a reprodução

Cronobiologia e Crononutrição – da teoria às aplicações na prática (online)

Docente (s) Responsável (s)
Fernanda Gaspar do Amaral

Ementa    

Objetivo do Curso e resultados esperados:

Motivar o(a) aluno(a) à construção do conhecimento científico sobre Cronobiologia. Desenvolver espírito investigativo com olhar cronobiológico e sua relação com a nutrição, valorizando a pesquisa como instrumento de trabalho. Estimular o(a) aluno(a) na articulação entre os conteúdos aprendidos, atividades e pesquisas, tornando-o(a) sujeito de seu aprendizado e propiciando a socialização do conhecimento adquirido. Observar e questionar os conhecimentos prévios dos alunos sobre a temática e suas expectativas frente ao tema.

Para tanto, o curso iniciará com a abordagem conceitual da Cronobiologia, seguindo para o conhecimento sobre pineal, melatonina e sua importância no cenário cronobiológico. Com base no entendimento deste conteúdo, seguiremos para a contextualização da relação entre a Nutrição e a Cronobiologia, levando ao entendimento do termo Crononutrição.  Abordaremosa importância da nutrição no binômio saúde-doença e da abordagem nutricional que considere as questões rítmicas do indivíduo. Discutiremos também sobre as pesquisas atuais no campo da Nutrição, introduzindo o pensamento crítico científico que relacionam os temas. Após estes detalhamentos e entendimento, daremos ênfase ao conhecimento adquirido pelos alunos(as), partindo para discussão de artigos científicos sobre os temas abordados.

Espera-se que os(as) alunos(as) se apropriem dos conceitos e montem um mapa mental para expor o conteúdo abordado, vislumbrando a aplicação do conhecimento tanto em sua prática de pesquisa quanto em sua prática clínica, quando aplicável. 

Formato das aulas previstas:

As aulas ocorrerão de forma remota pelo Google Meet, com repositório de materiais no Google Sala de Aula. É imprescindível que o(a) aluno(a) tenha acesso à conexão de internet e e-mail para interação em plataformas digitais. As aulas serão expositivas e ministradas pela docente responsável, com debate coletivo sobre as temáticas e artigos científicos escolhidos através de rodas de conversas e interações dinâmicas em plataformas de atividades.

Programação

15/09 - Aula 1: Apresentação da ementa, da equipe e dos alunos, explanação das regras de presença e avaliação.

22/09 – Aula 2: Conceitos de Cronobiologia.

29/09 – Aula 3: Glândula pineal, vias de ativação da síntese de melatonina, fatores externos e internos que podem interferir na cascata de ativação.

06/10 – Aula 4: Melatonina e sua relação com os sistemas orgânicos.

13/10 – Aula 5: Ritmicidade do metabolismo energético e de aspectos do comportamento alimentar.

20/10 – Aula 6: Organização rítmica da síntese de hormônios, neurotransmissores e outras secreções envolvidas na ingesta e comportamento alimentar.

27/10 – Aula 7: Aplicabilidade nos ensaios clínicos e experimentais.

03/11 – Aula 8: Encerramento e devolutiva dos alunos. 

Período

15.09.2020 - 03.11.2020

Horários: 09h00 as 11h30 min às terças-feiras. 

Público-alvo

Pós-graduandos do Programa em Neurologia/ Neurociências e outros Programas da UNIFESP.

Vagas

30 vagas (20 para alunos do PPG em Neurologia/Neurociêncies e 10 para alunos de outros programas).

Local

Encontros síncronos pela plataforma Google Meet e conteúdos disponibilizados pelo Classroom.  

Carga Horária

30 horas.

Quantidade de Créditos

2.

Inscrições

20/08/2020 a 10/09/2020

Ficha de Inscrição

Forma de Avaliação

Frequência mínima de 75%. A avaliação se dará ao longo das aulas, sendo considerada a participação dos(as) alunos(as) nas discussões e nas tarefas propostas. O(A) aluno(a) deverá entregar um texto relatando como a temática apresentada pode ser aplicada em sua área de pesquisa/atuação. Não haverá prova formal.

Bibliografia

CIPOLLA-NETO, J.; MARQUES, N. Introdução ao estudo da cronobiologia.In:Introdução ao estudo da cronobiologia. São Paulo: Ícone, 1988. 

CIPOLLA-NETO, J.; CAMPA, A. Ritmos biológicos. AIRES, M.M. Fisiologia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1991. p. 17-9. 

Circadian Clock. Trends in Cell Biology; 24(2):90–9, 2015. 

YAMAZAKI, S.; NUMANO, R.; ABE, M. et al. Resetting central and peripheral circadian oscillators in transgenic rats. Science; 288(5466):682–5, 2000. 

ASCHOFF, J. Circadian timing. Ann N Y Acad Sci; 423:442-68, 1984. 

MENDOZA, J. Circadian Clocks : Setting Time By Food Neuroendocrinology. Journal of Neuroendocrinology; 19:127–37, 2006. 

CAGAMPANG, F.R.; BRUCE, K.D. Horizons in Nutritional Science The role of the circadian clock system in nutrition and metabolism. The British journal of nutrition; 108(3):381-92, 2012. 

OKAMURA, H.; YAMAGUCHI, S.; YAGITA, K. Molecular machinery of the circadian clock in mammals. Cell and Tissue Research; 309(1):47–56, 2002. 

OKAMURA, H.; DOI, M.; FUSTIN, J.M. et al. Mammalian circadian clock system: Molecular mechanisms for pharmaceutical and medical sciences. Adv Drug Deliv Rev; 62(9-10):876-84, 2010.  

ARENDT, J. Melatonin and the mammalian pineal gland. London: Chapman and Hall, 1994. 

HOFFMANN, K.. Photoperiod, Pineal, Melatonin and reproduction in Hamsters. Progress in Brain Research; 52:397–415, 1979. 

SCHEER, F.A.; VAN MONTFRANS, G.A.; VAN SOMEREN, E.J.. et al. Daily Nighttime Melatonin Reduces Blood Pressure in Male Patients With Essential Hypertension. American Heart Association; 43:192–7, 2004. 

ARENDT, J.; ALDHOUS, M.; WRIGHT, J. Synchronisation of a disturbe sleep-wake cycle in a blind man by melatonin treatment. The Lancet; 772–3, 1988. 

LIMA, F.B.; MACHADO, U.F.; BARTOL, I. et al. Pinealectomy causes glucose intolerance and decreases adipose cell responsiveness to insulin in rats. American Phisiology society; 275(6):935–41, 1998. 

CIPOLLA-NETO, J.; SKORUPA, A.L.; RIBEIRO-BARBOSA, E.R. et al. The role of the retrochiasmatic area in the control of pineal metabolism. Neuroendocrinology; 69(2):97–104, 1999. 

SAARELA, S.; REITER, R.J. Function of melatonin in thermoregulatory processes. Life Sciences; 54:295–311, 1993. 

PRUNET-MARCASSUS, B.; DESBAZEILLE, M.; BROS, A. et al. Melatonin Reduces.

MCHILL, A.W.; PHILLIPS, A.J.K.; CZEISLER, C. A. et al. Later circadian timing of food intake is associated with increased body fat. Am J Clin Nutr; 106(5): 1213–1219, 2017.  

JAKUBOWICZ,  D.; BARNEA, M.; WAINSTEIN, J. et al. High Caloric Intake at Breakfast vs. Dinner Differentially Influences Weight Loss of Overweight and Obese Women. Obesity (Silver Spring); 21(12):2504-12, 2013.   

Programa de Pós-Graduação em Neurologia/ Neurociências

Rua Pedro de Toledo, 669 - 2º andar

Tel: (11) 5576-4848  Voip: 2838 - E-mail: ppgneurologia@unifesp.br / ppgneuro.unifesp@gmail.com